O amor
 
O amor é uma palavra/sentimento de difícil entendimento e, por isso mesmo, nos confunde a ponto de, levar-nos a loucura ou muitas vezes a sermos irracionais. Essa irracionalidade de compreendermos o amor ou mesmo como amar está em nós intrinsecamente.
Em alguns desses momentos, o corpo esquenta, o coração bate em descompasso, as mãos gelam e, na verdade, as palavras desaparecem por completo de nossas bocas. Qual linguagem utilizar no momento em que estamos ao lado daquela pessoa com a qual nos identificamos? Amar é maravilhoso quando se é correspondido, e isso muitas vezes confunde nossas mentes fazendo despertar o ciúme e o ódio, trazendo à tona toda insegurança.
Diante dos paradigmas da vida, somos surpreendidos, mas ao mesmo tempo agraciados, pelo simples fato de amar ou ser amado. Por essa razão descobrimos quão é maravilhoso viver tentando entender os múltiplos significados do ser humano, pois descobrimos a importância do nosso respirar, o porquê os batimentos cardíacos marcam tanto os nossos passos. Como essa visão é grandiosa. Não devemos fechar os olhos para essa maravilhosidade e sim observar o próximo, observar como é bom amar.
Essa palavra está presente em todos os momentos de nossas vidas. E este sentimento é visto por todo o universo, porque enxergamos como o coração. Todo mundo é capaz de compreender a linguagem do amor. Um simples toque de generosidade nos faz entender como isso se processa.
Como seres humanos, sempre tentamos entender esse significado. Será que amamos para poder compreender o amor ou simplesmente vivemos isso em pronúncia, quando dizemos “eu te amo” a alguém? É fato de que devemos ser verdadeiros, pois esse é o grande valor da vida. Quando somos verdadeiros, o somos com nós mesmos e deixamos pra trás essa irracionalidade que prende. Mesmo a rosa estando murcha jamais perde sua essência. Basta lhe dar uma chance para viver. Assim é a vida em nosso planeta, o amor verdadeiro vence barreiras.
Sejamos felizes. Mas vivamos os momentos amando sem distinção.
 
Cleidemar de Lima da Silva

Postado em 22/03/2014
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:21.809
Ontem:16.825
Total:38.634
Recorde:21.809
Em - 21/04/19