Ministério Público busca alternativa para solucionar crise na Santa Casa

Prefeito descarta assumir gestão  através de decreto

Ministério Público busca alternativa para solucionar crise na Santa Casa

Promotor Flávio Okamoto
Tininho Júnior

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Se a Santa Casa paralisar os atendimentos a responsabilidade pela prestação dos serviços será da prefeitura de Barretos. A colocação é do promotor de justiça Flávio Okamoto, que busca alternativa jurídica para a crise do hospital.

Como não possui Certidão Negativa de Débito regularizada, a Santa Casa não tem como receber verbas governamentais. “Não tem saída para nenhuma das partes. Se o hospital parar é responsabilidade do município prestar os serviços, por isso o prefeito também não tem saída”, argumentou o promotor.

O prefeito Guilherme Ávila descartou a possibilidade de baixar decreto para assumir a instituição

O provedor Renato Peghim explicou que a própria diretoria do hospital foi quem acionou o Ministério Público buscando uma solução para o impasse.


Fonte: Jornal O Diário


Postado em 29/07/2013
Por: A Redação
Publicidade

Atendimento

(17) 3341-1180
Seg à Sexta das 08h às 19h Sab das 09h às 12h
Ouvidoria
Fale Conosco
Desenvolvido por:

DIgraca.com.br
Siga-nos

Estatisticas

Hoje:8.656
Ontem:
Total:8.656
Recorde:8.656
Em - 20/06/19